Skip to main content
trolls

Trolls de internet: conheça dicas para evitar esse mal

Você já deve ter ouvido falar sobre os trolls da internet e a famosa frase “Don’t feed the Troll” (Não alimente os Trolls). Pois é, o melhor para conseguir acabar com os comentários maliciosos é usar as identidades reais dos utilizadores.

Do que os trolls tem medo?

Um dos principais temores dos responsáveis pelos sites são o aparecimento dos trolls. O troll é um cara comum da internet, são reais e são um pesadelo dos “community managers“. Apesar de existirem várias recomendações de como lidar com um troll, saiba que eles tem o prazer de ofender e não entrar no seu jogo. A melhor defesa para acabar com um troll é não confiar no seu ataque, pois é difícil de elimibá-los. Trolls são como baratas, parecem que nunca acabam.

Do que se alimentam? Como eliminá-los?

A internet foi responsável pelo surgimento dos trolls. Contudo, cabe a nós criar ferramentas que não façam os trolls se esconderem dos outros ou utilizar uma identidade falsa. Não dizer a verdade sobre nós mesmo é tão fácil que só gera sentimento de impunidade quando certos casos vêm à tona.

 

Alguns meios de comunicação começaram a priorizar nos seus sites ferramentas que obrigam o usuário a fazer um registro, como por exemplo o login com o Facebook. Pensamos que quando entramos num site que pede o login pelo Facebook é simplesmente para agilizar o acesso do usuário, quando na verdade faz parte de uma estratégia de combate aos trolls.

Um estudo da Livefyre, empresa especializada em mídias sociais, sugere que ninguém usa o anonimato na internet o tempo todo. Sempre haverá uma hora que sua identidade será revelada. Saiba que 40% dos usuários da internet comentam sempre de forma anônima. Desses, 88% usam sua identidade verdadeira para comentar nos sites e portais.

Como fugir dos trolls?

A melhor maneira de evitar comentários maliciosos é usar as identidades reais dos usuários. Embora que está decisão seja definitiva, 78% dos usuários optam por serem usuários anônimos não conseguiriam comentar no seu site se não usarem sua identidade verdadeira.

Sim, mas aí vou perder o engajamento

Por um lado você perderá engajamento anônimo que não interessa tanto. Numa época onde o que mais se fala é Big Data e relacionamento, as pessoas não gostam de se relacionar com anônimos na internet.

O que eu devo fazer de imediato?

Ainda segundo a Livefyre, apenas 5% dos comentários dos usuários tem uma má intenção. Aqueles que comentam negativamente causando danos, conflitos ou agressão são uma pequena minoria. Proteja sua identidade contra o ambiente de trabalho, eliminando preconceitos e façam com que os que os usuários sejam obrigados a se registrar para que possam deixar comentários. Seja livre para responder os comentários, mesmo que eles sejam negativos. Seja mais honesto possível sobre a sua empresa e tente resolver todos os problemas possíveis apresentando soluções corretivas de curto prazo. Cerque o troll de todas as maneiras para que ele não possa disseminar o seu veneno para as outras pessoas, lidar com crise é bastante complicado, mas não é o fim de tudo.

Como acabar com os trolls, mas sem comentários

Existe uma alternativa para acabar com os trolls sem utilizar os comentários. Como faço isso? Criando normas comunitárias claras e que todos saibam. Essa é uma das principais recomendações para evitar comentários negativos. Se todos sabem o que vai acontecer, as regras estarão bem claras para seus consumidores. Ele se sentirá mais seguro de adquirir o seu produto ou seu serviço, fazendo com que seu negócio ganhe relevância. Uma outra maneira é gerar discussões saudáveis entre o público, uma vez que eles mesmos acabam sendo comentados gerando engajamento automaticamente. E claro, a solução padrão de todos: moderação dos comentários.


Comente aqui

Thiago Acioli

Publicitário, Pós-graduado em Marketing Estratégico e criador do Publicitários Social Club.

Um comentário em “Trolls de internet: conheça dicas para evitar esse mal

Comentários fechados.