Skip to main content

O amor nos tempos da internet

Quem nunca fez uma serenata, mandou uma carta e pediu a mão de sua bela amada para o pai da senhorita? Ninguém? Não? SÉRIO?! É, as coisas mudaram. Até mesmo para o amor… Ele ainda está presente (e muito, acredite!). Mas, como tudo na vida, precisou adaptar-se aos novos tempos. Se antes a burocracia social era maior, hoje o contato é constante. Seja físico ou virtual. A cada 5 minutos, rola uma mensagem, um comentário, um RT, um cutuco. Então decidimos fazer uma pequena pesquisa (ok, ela foi kinda grande e levou um tempinho) para podermos comparar: como era antes e como é, hoje, o afeto, o namoro, o cortejo, o flerte e toda a lábia para que o amor se manifeste, ainda que na internet… 😉

Comente aqui

Thiago Acioli

Publicitário, Pós-graduado em Marketing Estratégico e criador do Publicitários Social Club.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *