Skip to main content
música

Não se ama alguém que não ouve a mesma música

Vamos lá encarar a realidade. As pessoas ouvem música e as marcas são pessoas, logo as marcas tem que saber ouvir música. E se ouvirmos a mesma canção: o amor acontece!

 

Há muito tempo que falamos em humanizar as marcas e como é importante imprimir à sua marca uma personalidade. Com o advento das redes sociais essa personalidade é obrigatória para comunicar diariamente com os seus seguidores/clientes/consumidores.

O que sua marca ouve? Qual é a playlist da sua empresa?

Se as marcas têm que ouvir música, ou se as marcas têm um determinado gênero de música para ouvir, há do outro lado a necessidade de encontrar os artistas que criam esses conteúdos para que as marcas possam selecionar a sua playlist, e com essa playlist promover os seus produtos e serviços.

disclosure

Sou fã de Disclosure e recentemente conheci uma marca que também é fã desta dupla de DJ’s. Os Disclosure criaram uma maravilhosa imagem de marca (os rolling stones têm a sua língua) esta dupla tem a uma máscara que colocam em todas as caras das suas parcerias musicais e também em capas de álbum, que faz com que tenham também uma hashtag oficial: #disclosureface

Eu próprio criei a minha selfie com essa imagem de marca e tweetei essa hashtag e recebi uma resposta proativa de uma marca que recentemente se associou aos músicos.

E horas mais tarde recebi uma notificação no Twitter, alguém tinha me mencionado num tweet. Fui logo ver quem era.

Gostei, esta marca tem os mesmos gostos musicais do que eu. E como diz um cantor português:

“Não se ama alguém que não ouve a mesma canção”

Comente aqui